NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Lisboa foi a cidade do país que mais atraiu os turistas europeus, sobretudo espanhóis, italianos, alemães e holandeses e foi a segunda mais procurada pelos franceses e britânicos. Os portugueses parecem concordar com os europeus e também escolhem a capital do País em primeiro lugar para passar uns dias de lazer e descanso.

Portugal é o terceiro país mais procurado na Jetcost pelos turistas europeus para o mês de agosto, atrás de Espanha e Itália.

O Diretor de marketing da Jetcost, Ignazio Ciarmoli, destacou que “as cidades e as ilhas portuguesas continuam a ser grandes destinos turísticos mundiais, nas quais os bons preços que oferecem em relação a outras cidades, a sua riqueza cultural, as suas praias, os seus costumes e festas populares, a sua requintada gastronomia e os seus bons hotéis e infraestruturas, continuam a seduzir um grande número de turistas”.

 

A Jetcost, motor de pesquisa de viagens que permite aos usuários pesquisar e comparar preços de voos, hotéis e carros de aluguer, sublinha que a recuperação do turismo parece ser um fato confirmado. Após dois anos complicados com a pandemia, parece que o medo à Covid-19 está a ficar para trás das costas e a vontade de viajar e desfrutar de merecidas férias, são indicadores que justificam o aumento da procura de voos na Jetcost em 250% e dos hotéis em 330%, nos primeiros sete meses deste ano.

 

A procura para as férias de agosto de 2022 já são 30% superiores às de 2019. Além disso, os usuários, gastam 50% mais de tempo a procurar soluções diferentes, tarifas alternativas e datas, para encontrar a oferta que melhor se adapte ao orçamento de cada um.

 

Lisboa foi a cidade do país que mais atraiu os turistas europeus, sobretudo espanhóis, italianos, alemães e holandeses e foi a segunda mais procurada pelos franceses e britânicos. Os portugueses parecem concordar com os europeus e também escolhem a capital do País em primeiro lugar para passar uns dias de lazer e descanso.

 

Outro destino português que combina a atração de uma grande cidade, com a sua riqueza cultural e gastronómica de renome, é o Porto, que é a cidade mais procurada por viajantes franceses, espanhóis, alemães e italianos e a terceira por britânicos e holandeses. As suas dezenas de igrejas antigas e lugares declarados como Património da Humanidade pela UNESCO e a sua arquitetura, uma mistura do gótico, barroco e modernismo que conferem à cidade um encanto ímpar, conquistou também os portugueses, que a escolhem em segundo lugar.

 

Faro, porta de entrada para o Algarve, é a mais pedida pelos ingleses, a segunda pelos holandeses, a terceira pelos franceses, alemães e italianos e a quarta pelos espanhóis. O destino ideal para quem procura sol, praia, mar, bons restaurantes e vida noturna, Faro é a décima cidade do mundo mais procurada pelos portugueses.

 

Quanto às ilhas, a Madeira parece ser a preferida pelos turistas europeus, já que é a terceira a ser escolhida pelos espanhóis e no quarto lugar pelos franceses, ingleses, alemães, italianos e holandeses. A outra ilha do arquipélago, Porto Santo, ocupa o quinto lugar entre as preferências dos turistas britânicos, o sexto entre os turistas franceses, alemães e italianos e o sétimo entre os turistas espanhóis e holandeses.

 

Nos Açores, a ilha de São Miguel ocupa o quinto lugar em termos de preferência dos espanhóis, franceses, alemães, italianos e holandeses e sexto para britânicos. A Terceira é escolhida na sexta posição para espanhóis e holandeses e a sétima posição para franceses, britânicos, alemães e italianos. Por outro lado, São Miguel e a Terceira também são muito desejadas pelos portugueses e ocupam a quinta e a 17.ª posição, respetivamente.

 

A Ilhas do Pico, Faial, Flores, Santa Maria, Corvo, São Jorge e Graciosa também estão entre as preferências dos turistas europeus para as férias de agosto.

 

Depois de Lisboa, Porto e Madeira, os portugueses escolhem Palma de Maiorca em quarto lugar, São Miguel a seguir, Barcelona em sexto e Paris em sétimo lugar.

 

Os que optaram pelos destinos de longa distância optaram por cidades onde se fala português, como São Paulo, que ocupa a oitava posição, Cabo Verde (décima segunda), Rio de Janeiro (15.ª) e São Tomé (20.ª).

Partilhar