NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A EFAPEL registou um crescimento das suas exportações para mais de 50 países, desde a Europa e África até ao Médio Oriente e América Latina.

A EFAPEL, maior fabricante nacional de aparelhagem elétrica de baixa tensão e líder de mercado em Portugal, reverteu no segundo semestre de 2020 a performance negativa do primeiro semestre e fechou o exercício com vendas de 43,33 milhões de euros, superando em 5,2 pontos percentuais a performance de 2019, minimizando assim o efeito da crise pandémica na economia em geral e na atividade da empresa em particular.

 

As exportações, que representam 30 por cento da faturação global, registaram crescimento homólogo de 5,12 por cento. Note-se que a EFAPEL exporta atualmente para 50 países de todo o mundo, desde a Europa e África até ao Médio Oriente e América Latina. Tem duas subsidiárias no exterior, em Espanha e França.

 

Esta empresa sedeada em Serpins (Lousã) teve de ajustar a sua atividade às exigências de higiene, saúde e segurança decorrentes da pandemia, cedendo prioridade à proteção dos seus colaboradores e respetivas famílias, perdendo cerca de 15 por cento da capacidade produtiva por essa razão, mas sem recorrer ao “Lay Off”.

 

A EFAPEL adiou o lançamento de novos produtos, que estava previsto para 2020, pois a prioridade foi manter sob controle todas as medidas de segurança necessárias ao melhor funcionamento da empresa, tendo em conta o contexto.

Partilhar