NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Sob o mote The Art of Possibility a marca pretende promover a internacionalização da cerâmica portuguesa.

A Associação Portuguesa das Indústrias de Cerâmica e de Cristalaria, a APICER, acaba de lançar a marca Portugal Ceramics, uma marca promocional desenvolvida no âmbito do projeto INTERCER, com o apoio do sistema de incentivos SIAC (Sistema de Apoio a Ações Coletivas), que tem como propósito apoiar os esforços de internacionalização da cerâmica portuguesa e mudar a perceção que os mercados internacionais têm da cerâmica nacional, em particular dos subsectores da ‘cerâmica utilitária e decorativa’ e da ‘cerâmica de revestimentos e pavimentos’.


Desenvolvida pela Super. Brand Consultants, a nova identidade conta com um vídeo promocional que procura transmitir o posicionamento definido e o manifesto desta nova marca. A produção do vídeo é assinada pela Bro Cinema.


A Portugal Ceramics conta com um plano de ativação de marca que incidirá nos mercados europeu e norte americano, e em que vão ser privilegiados os canais digitais, prevendo campanhas e uma aposta na comunicação na imprensa internacional, e a realização de eventos presenciais de promoção da marca, assim como a presença em feiras, conferências e a realização de exposições.


No que diz respeito às principais iniciativas de promoção da cerâmica portuguesa nos mercados internacionais em 2022 e 2023, as ações de promoção para o subsetor da ‘cerâmica utilitária e decorativa’ incluem a realização de exposições em países como a Alemanha, França, Itália e Estados Unidos.


Esta nova marca, pretende assim, aumentar a notoriedade do setor,  elevar a perceção dos mercados externos relativamente à cerâmica nacional e conseguir que diferentes audiências - distribuidores, prescritores, designers, arquitetos e consumidores - associem à cerâmica portuguesa a ideia de dominar a possibilidade (mastering possibility), ou seja,  à capacidade de encontrar soluções e fazer com que as coisas aconteçam. Como promessa, esta nova marca pretende também comunicar os valores fundamentais da indústria: qualidade, design e inovação dos produtos cerâmicos, não ignorando as questões da sustentabilidade, como um dos pilares de valorização do setor.


“O investimento total previsto para este projeto de internacionalização da cerâmica portuguesa é de 930.978, 93€ e contempla todas as ações promocionais previstas para os anos de 2022 e 2023, onde se incluem realização de exposições para ambos os subsectores, ‘cerâmica utilitária e decorativa’ e da ‘cerâmica de revestimentos e pavimentos’, em articulação com a AICEP, nomeadamente com as fileiras casa e construção. “ – lê-se no comunicado.

Partilhar