NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Este investimento vai permitir aumentar a equipa, dar sequência ao desenvolvimento da plataforma tecnológica e expandir as operações para outro mercado.

A startup portuguesa Hoopers, plataforma de comunidade que conecta jogadores, fãs e entusiastas de basquetebol, através de campos, conteúdos, experiências e NFTs, levantou uma ronda de investimento de meio milhão de euros com a Sport Horizon Holding, fundo de investimento europeu especializado na indústria de SportsTech, e a Portugal Ventures. A ronda conta também com a participação de business angels, como Niko Klansek, investidor na Niftify e partner do fundo de web3 Kenmare, e de Ricardo Carvalho, investidor em Sports Tech e Inovação Social. Este investimento vai permitir aumentar a equipa, dar sequência ao desenvolvimento da plataforma tecnológica e expandir as operações para outro mercado.

 

“Este investimento é um voto de confiança no trabalho que temos desenvolvido até aqui, mas sobretudo no potencial da criação e afirmação de uma plataforma global de comunidade que combine basquetebol, arte urbana e hip-hop, através da fusão entre o mundo físico e o digital. Queremos aproveitar a enorme base instalada neste desporto, o potencial da Web3 e explorar oportunidades de expansão para outros mercados”, explica André Costa, CEO da Hoopers, citado em comunicado.

 

Para Dario Montagnese, managing partner da Sport Horizon Holding, “o investimento na Hoopers representa a entrada da Sport Horizon no mercado português”. “Acreditamos neste projeto desde a primeira abordagem com a equipa, em quem depositamos grande confiança. Estamos convencidos de que depois dos excelentes resultados alcançados num mercado relativamente pequeno, como é o caso de Portugal, a Hoopers tem potencial para escalar globalmente.”

 

As expectativas de Teresa Fiúza, vice-presidente da Portugal Ventures, também são elevadas. “Este investimento na Hoopers, não é apenas numa plataforma digital, mas sim numa comunidade que liga o desporto às indústrias criativas. Através do basquetebol, da música hip-hop e da arte urbana, estamos confiantes que vamos conseguir tornar a sociedade mais inclusiva e participativa em áreas fundamentais para o enriquecimento do ser humano”, afirma.

 

Incubada na Startup Lisboa e na Startup Braga, a Hoopers prepara-se para continuar a anunciar novos projetos de recuperação de campos desportivos com intervenções de arte urbana e novos produtos, assim como lançar o seu projeto de NFTs focado na comunidade.

Partilhar