NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A feira Istanbul Fashion Connection regressa no próximo mês para a sua segunda edição, depois de em fevereiro ter reunido mais de 600 expositores e ter superado os 25 mil visitantes. Agendada para 24 a 26 de agosto, a IFCO volta a juntar todos os segmentos da moda, do vestuário ao calçado.

De acordo com um comunicado do certame, são novamente esperados mais de 600 expositores, dos nomes mais fortes do mercado a novos players e designers, na IFCO, uma nova feira da Turquia lançada no passado mês de fevereiro pela associação de exportadores de vestuário de Istambul IHKIB.

 

Na estreia, que decorreu de 9 a 11 de fevereiro, estiveram presentes mais de 600 empresas turcas com coleções de vestuário de senhora, homem e criança, denim, calçado, couros e peles, lingerie e vestuário de festa e de casamento.

 

«A feira é muito produtiva. Para começar, tem uma presença de visitantes de qualidade e entusiastas, o que é muito importante para nós», avaliou Mert Karaca, da FİBAK, uma marca turca de vestuário de homem. «Acredito que a IFCO vai dar um ótimo contributo para os números das exportações turcas do nosso sector, podemos confirmar pelas nossas reuniões na feira», acrescentou o colega Barış Köseliören.

 

«A IFCO tem sido muito boa para a nossa indústria, lucramos muito com a vasta gama de empresas», afirmou İbrahim Erdoğan, representante da empresa portuguesa Derma Leather. «Mais importante, fomos capazes de introduzir os nossos produtos e a nossa indústria mundialmente», sublinhou Sedat Yıldırım da İkoll Tekstil.

 

Exportações a subir

 

De acordo com os dados fornecidos pela organização, as exportações de têxteis e vestuário da Turquia superaram os 30 mil milhões de dólares (cerca de 29,3 mil milhões de euros) em 2021, dos quais 20,3 mil milhões de dólares em vendas para a UE. «Em 2022, as exportações da indústria têxtil e vestuário [turca] deverão aumentar mais, para 32 a 33 mil milhões de dólares», antecipa.

 

Apesar da pandemia que limitou ainda as deslocações, a IFCO registou na edição de estreia mais de 25 mil visitantes de cerca de 100 países, em especial do Reino Unido, França, Alemanha e Polónia, mas também da Rússia, da Ucrânia, do Médio Oriente, do Norte de África e dos EUA.

 

«As novas coleções de moda, juntamente com as capacidades ideais de aprovisionamento de proximidade, registaram uma elevada procura e contribuíram para uma excelente atividade de negócios. Para o comércio e a indústria, a Istanbul Fashion Connection foi uma oportunidade única para encontros cara a cara numa plataforma internacional. Todos os canais comerciais estiveram representados, desde os grandes centros comerciais e grupos de grandes armazéns a grossistas e cadeias de retalho internacionais ou plataformas online», resume a organização.

 

Um sucesso que espera repetir em agosto. «A Istanbul Fashion Connection oferece uma visão abrangente de design, qualidade e oportunidade de produção e a gama de serviços oferecidos pela indústria de moda turca», aponta.

Partilhar