NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Dada a elevada dívida externa do país, a não ocorrer uma reestruturação de dívida mais significativa do que a ocorreu no passado recente a economia portuguesa estará ao longo das próximas décadas sempre “no fio da navalha

O crescimento do PIB no primeiro trimestre de 2019 surpreendeu pela positiva, +3,9% em termos nominais (+1,8% em termos reais), em relação ao período homólogo de 2018.

 

Consulte o artigo.

 

Partilhar