NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

É a mais recente colecção lançada pela fábrica nacional de porcelana de Ilhavo e uma das mais deslumbrantes que lhe conhece. Inspirada pela flora, fauna e gentes da Amazónia de hoje, e pela memória da obra do século XVIII Viagens Philosophicas, de Alexandre Rodrigues Ferreira, a Colecção Amazónia foi desenvolvida em parceria com a Ecoarts Amazónia, uma associação brasileira sem fins lucrativos.

Com mais de 70 peças, a clolecção combina a porcelana, o cristal e vidro da Vista Alegre com as peças em faiança e grés da Casa Alegre e da Bordallo Pinheiro. Todas as marcas do Grupo, unidas pela primeira vez numa colecção única, para ajudar a preservar um património crucial para toda a humanidade. Parte das receitas obtidas com a comercialização da colecção reverterão para a reflorestação da área Amazónica do Mato Grosso com árvores frutíferas autóctones.

 

Design, uma aposta vitoriosa no rejuvenescimento da Vista Alegre

 

A Ecoarts Amazōnia é a entidade responsável pelo design da nova colecção. Foi fundada há 15 anos pela terceira geração de uma família de 7 mulheres que passou a sua infância na Amazónia brasileira e que desejava assegurar às futuras gerações a certeza de que veriam a floresta nativa de pé. Tendo a floresta como cenário e inspiração, essa família deu início, em 2008, a uma associação que reúne hoje um colectivo de pessoas (colectores, artesãos, artistas, profissionais liberais, pesquisadores e outros voluntários) que, em sistema colaborativo, criam produtos exclusivos e desenvolvem acções que unem conhecimento e inovação, produto e propósito, preservação e desenvolvimento, luxo e ancestralidade.

 

Como associação sem fins lucrativos, qualificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), a Ecoarts Amazōnia destina o seu lucro ao plantio de árvores frutíferas nativas em cidades, aldeias indígenas e áreas rurais, num projecto batizado de Floresta de Alimentos.

 

A centenária empresa de Ílhavo, fundada em 1824 por José Ferreira Pinto Basto, sempre pautou a sua produção pela qualidade dos produtos que foi produzindo ao longo dos sébulos, mas foi no último terço do séc. XX que a Vista Alegre começou a encarar o design como vertente estratégica da evolução grupo, convidando como autores nomes consagradas ou inovadores do design a nível mundial. A evolução e o reforço da presença da marca a nível nacional e além fronteiras nas últimas décadas provam que esse foi o passo decisivo para o desenvolvimento da empresa., agora e no futuro.

 

Veja toda a colecção AQUI

Partilhar