NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A ANA - Aeroportos de Portugal, detida pela Vinci, registou em 2018 um lucro de 282 milhões de euros.

A ANA – Aeroportos de Portugal aumentou os lucros. Ganhou 282 milhões de euros no ano passado, fruto do aumento da atividade nos aeroportos nacionais. Registou um crescimento do número de passageiros, bem como de aviões num ano em que novas companhias aéreas passaram a voar para o país.

 

De acordo com dados citados pelo Jornal de Negócios (acesso pago), a empresa detida pelos franceses da Vinci apresentou um aumento de 13% nos resultados líquidos face a 2017. Este aumento dos lucros traduziu-se também num aumento das contribuições fiscais que ascenderam a 139 milhões em 2018.

 

Este resultado reflete o aumento do número de passageiros que passaram pelos aeroportos nacionais, numa altura em que continua a aumentar o turismo no país. Foram 55 milhões de passageiros em resultado de um total de 418 mil aviões.

 

Negócios aponta o aumento do número de companhias aéreas a voar tanto de e para o país como explicação para este aumento dos resultados. Nos cinco aeroportos geridos pela ANA, Lisboa, Porto, Faro, Ponta Delgada e Madeira houve um aumento de 30 destinos, levando as receitas a crescerem 10% para 782 milhões de euros.

Partilhar