NewDetail

AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

A Associação das Termas de Portugal, o Mestre Manuel Cargaleiro e Vasco D’Avillez foram os homenageados do jantar oficial do fórum “Vê Portugal”, organizado pela Turismo do Centro de Portugal. O evento decorreu na Quinta da Dança, em Castelo Branco, no âmbito do 6.º Fórum de Turismo Interno “Vê Portugal”, que termina esta quarta-feira, dia 22.

O presidente da Associação das Termas de Portugal, Vítor Leal, recebeu a distinção em nome desta associação empresarial sem fins lucrativos, constituída por entidades públicas e privadas que se dedicam à atividade termal em território nacional.

Nascido em 16 de março de 1927 no concelho de Vila Velha de Ródão, distrito de Castelo Branco, o Mestre Manuel Cargaleiro realizou os seus estudos em Lisboa, onde frequentou a Escola Superior de Belas Artes para se dedicar às Artes Plásticas. Hoje, Cargaleiro é um dos mais notáveis artistas portugueses. A homenagem foi recebida por Cláudia Baltazar, do Museu Cargaleiro, que leu uma mensagem do Mestre.

 

Vasco D’Avillez foi Presidente da Comissão Vitivinícola da Região dos Vinhos de Lisboa, com sede em Torres Vedras. Em dezembro de 2015, foi condecorado com a Comenda da Ordem do Mérito Agrícola, pelo Presidente da República. Em 2016 foi eleito a Personalidade do Ano pela Associação dos Municípios Portugueses com Vinho.

 

No decorrer do Jantar Oficial foram também entregues os Prémios do Concurso de Empreendedorismo Turístico “José Manuel Alves”, instituídos pelo Turismo Centro de Portugal, e que visam “apoiar projetos inovadores no setor do Turismo com implementação na região Centro”. Os prémios recebem o nome do ex-presidente da Região de Turismo do Centro, numa homenagem ao homem que esteve na génese da criação do gabinete de apoio ao investimento turístico na região.

 

Nesta quarta edição, foram apresentadas 63 candidaturas, mais 10 do que em 2018. O júri final, composto por Miguel Mendes (Turismo de Portugal), Miguel Barbosa (Portugal Ventures) e Carlos Cerqueira (Instituto Pedro Nunes), escolheu os seguintes projetos: 1.º classificado – “Zipline Nazaré / Ocean Zipline” (Geração GIVE); 2.º classificado – “Abrigo do Queijo Serra da Estrela DOP” (Joaquim Lé de Matos); 3.º classificado – “Gravity F” (António Matos / Cláudia Passos).

 

Este ano, a terceira edição do concurso recebeu 20 candidaturas nas suas duas vertentes, mais quatro do que no ano anterior. O júri final, composto por Teresa Ferreira (Turismo de Portugal), Joaquim Felício (CCDRC) e Carlos Martins (Opium), distinguiu as seguintes teses: Tese de Doutoramento – “A Satisfação Turística: Uma Análise aos Turistas Estrangeiros que Visitam os Centros Históricos em Portugal” (Ana Sofia Duque); Tese de Mestrado – “Turismo Acessível: A Importância da Formação na Alteração das Atitudes” (Nuno Cunha Leal).

Partilhar