AICEP
Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal

CABEÇALHO

Contact Us


Homepage » Eventos » Feiras Internacionais

 

Setor: Casa

Data: 25 a 27 de maio 2018 
Local: Toronto
Condições de Participação: consultar

Inscrição gratuita: online, até 14 de março
 

A aicep Portugal Global organiza a participação nacional na Canadian Furniture Show, que se realiza de 25 a 27 de maio em Toronto.

 

Num espaço de 45m2 procuramos mostrar a qualidade do mobiliário que se faz em Portugal, com destaque para peças de alto valor acrescentado, com forte componente de design.


Esta ação tem por objetivo reforçar a imagem de qualidade e capacidade do tecido empresarial português no mercado canadiano. Procura-se criar conhecimento e interesse junto de importadores, grupos de compras, cadeias retalhistas e fabricantes canadianos de mobiliário.


Empresas da Fileira Casa têm, assim, a oportunidade de apresentar os seus produtos. A participação é direcionada a empresas portuguesas fabricantes, orientadas para o segmento premium, que ofereçam artigos diferenciados, sofisticados e com forte componente de design.


A Canadian Furniture Show reúne profissionais da indústria, fabricantes, importadores, retalhistas, designers, entre outros, do Canadá, dos Estados Unidos e outras partes do mundo, apresentando-se como um evento único no mercado norte-americano para abrir novas contas e conquistar novas encomendas.

As empresas interessadas em integrar esta ação devem ler atentamente as condições de participação e proceder ao preenchimento do formulário de inscrição até ao dia 14 de março 2018. 

 

Sobre o Canadá

 

O Canadá tem uma indústria doméstica de mobiliário, mas o mercado é em grande medida abastecido por importações, que têm registado crescimento continuado nos últimos cinco anos. Em 2016, as importações totais de mobiliário alcançaram cerca de 7.7 mil milhões de dólares canadianos, tendo aumentado 6% face a 2015. Os dados disponíveis para 2017 (Jan-Out) revelam a manutenção da tendência, com um crescimento próximo de 4% face ao período homólogo anterior.

 

Um outro indicador positivo é o facto das importações de Portugal continuarem a crescer, tendo alcançado perto de 35 milhões de dólares canadianos em 2016, o que significou um aumento de mais de 20% face a 2015. Entre 2012 e 2016 as nossas exportações para o Canadá cresceram 168%. Em 2017 mantêm-se esta tendência, registando-se um aumento acima de 15% no período Janeiro a Outubro, face ao mesmo do ano anterior.

 

A estas tendências positivas acresce o facto do acordo CETA ter entrado em vigor em Setembro passado. A eliminação imediata de tarifas que ainda impendem sobre alguns tipos de mobiliário irá ajudar a que os compradores canadianos olhem com mais atenção para fornecedores europeus, bem como tornar mais atrativo para fabricantes locais avaliar parcerias de produção em Portugal.

 

Paralelamente, continua a verificar-se na economia canadiana uma forte tendência de diversificação de mercados, de forma a diminuir a grande dependência face aos Estados Unidos. Mais ainda no atual contexto de grande incerteza e preocupação que se vive no Canadá, com relação às políticas da nova Administração Americana, nomeadamente a renegociação do acordo NAFTA e as disputas em torno do Softwood Lumber Agreement.   

 

Nota importante:

A partir do dia 15 de Março de 2016 entrou em vigor no Canadá um novo sistema de controlo de entradas de visitantes, designado de  "electronic Travel Authorization" [eTA]. Este requisito, que implica um "pré-registo" numa plataforma online, aplica-se a cidadãos não canadianos de países cujos nacionais beneficiam de isenção de visto para entrar no Canadá. O eTA aplica-se apenas nos casos de chegadas por via aérea, quer para visitantes, quer para passageiros em trânsito.

Electronic Travel Authorization (eTA)

Partilhar